Bica em Bruxelas

catarina

Bica Curta servida no CM, 3.ª feira, dia 24 de Setembro

Em vias de despedimento de geringonça pelo seu demiurgo, António Costa, onde é que Catarina Martins tomará no futuro a bica curta? Barrada ao café em São Bento, irá tomá-lo a Belém? Certo é que a cruel lição do Brexit a fez reavaliar a bica curta em Bruxelas: afinal não é nada mau o café europeu. Mais certo ainda, a pungente lição da Grécia, a que se somou o estágio não remunerado com Costa, fez Catarina desistir de reestruturações da dívida, convertendo-se às contas certas.

Numa coisa Catarina não mudou: é social-democrata. Já não como Trotsky o foi, claro. A dúvida está na ficha de inscrição a submeter-lhe: a do PS ou a do PSD?