No sítio

Louis Armstrong

Bica Curta servida no CM, 5.ª feira, dia 19 de Setembro

Ninguém foi mais paz de alma do que o cantor negro Louis Armstrong. Cem quilos de amável gordura e voz arranhada a ouro. Mas há 62 anos Louis assanhou-se. Nove miúdos negros estavam à porta de uma escola proibidos de entrar: só para brancos, diziam. Louis disse ao presidente Eisenhower: o senhor tem duas caras e não os tem no sítio se não cumprir a lei. Encostado à parede, Eisenhower mandou as tropas e os miúdos entraram na escola.

Que Louis servirá a bica curta aos políticos portugueses, mandando tê-los no sítio e fazer essa profunda e prometida reforma do Estado que, pós-troika, quer Passos, quer Costa se cortaram a cumprir.

2 thoughts on “No sítio”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.