Notre-Dame

NOTRE_DAME_FIRE

Este fogo do inferno queima e envelhece. Está a arder, ali, a parte de mim que é o meu muito amor a França, o meu muito amor a Paris. Já estive de olhos fechados naquela nave, hoje em fogo. Ali perto, já na margem esquerda, mesmo em frente, ensinava-se a dançar o tango num jardim – noite de cinzas, agora, nesse jardim.

8 thoughts on “Notre-Dame”

  1. Visitei várias vezes durante os 5 anos que vivi em Paris, ouvi lá concertos de música sacra, só não subi à torre, a idade não permitia, fiquei em choque e doente do coração. Não sei se recupero. Aguardemos pela reconstrução, mas não é a mesma coisa.A incúria, se foi caso disso, não tem perdão.

    Like

  2. morri em alguma parte de mim; sobra dor quando se assiste inane e incapaz à morte de um monumento tão maravilhoso, que tanta história guarda e onde tantos de nós agradecemos estar vivos e poder contemplá-lo. Arderam os nossos sonhos e a fé de que seria obra de arte que nos prolongava a encantar diversa gente pelos séculos dos séculos. O fogo destruiu em horas o imenso esforço dos que ali penaram, morreram e criaram. O incrível fez-se realidade

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.