Boca a boca

Bica Curta, publicada no CM, há duas semanas

penafiel B

Os últimos serão os primeiros. Lembrei-me da velha lição ao ver o choque tremendo entre um jogador do Penafiel B e outro do Águias de Eiriz. Tiago, do Eiriz, tombou, desfalecido e hirto. A aflição de colegas e adversários tinha a humana marca do desespero. Henrique Vieira, capitão do Penafiel B, correu, meteu-lhe a mão na boca, puxou-lhe a língua enrolada que já o sufocava. Manobrou-o, respirou por ele, deu-lhe vida.

De repente, o futebol recuperou o seu rosto autêntico. O capitão do Penafiel B trouxe paz ao que alguns transformam num teatro de guerra. Colegas e adversários abraçaram o herói. Soube-me a esperança a bica curta.

henrique
Henrique Vieira, o herói

2 thoughts on “Boca a boca”

Leave a Reply to Luis Eme Cancel reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.